VUCA: você sabe o que é isso? - Synerhgon
R. São Vicente de Paulo, 650,Cj. 12 - Higienópolis - SP
(11) 3825-6751 / (11) 99607- 8855
synergia@synerhgon.com.br

VUCA: você sabe o que é isso?

Consultoria estratégica em gestão

VUCA: você sabe o que é isso?

VUCA é um acrônimo para Volatility, Uncertainty, Complexity e Ambiguity (Volatilidade, Incerteza, Complexidade e Ambiguidade).

Trata-se de um conceito que o U.S. Army War College usou, nos anos noventa, para reunir características atribuídas ao mundo após o término da Guerra Fria, com o surgimento de forças políticas e comerciais globalizadas e multilaterais.

Volatilidade: Tem a ver com a natureza e a dinâmica das mudanças, as forças que operam essas mudanças e seus elementos catalisadores.

Incerteza: Atualmente, o que não falta são dados e informações. No entanto, num ambiente de falta de previsibilidade, as perspectivas de surpresa alteram a capacidade e o senso de conscientização e compreensão sobre questões e eventos. A única certeza, neste caso, é a de que os problemas de amanhã não terão as mesmas soluções dos de hoje.

Complexidade: A própria premissa de multilateralidade política e econômica faz aumentar as fontes de problemas e as linhas de causa e efeito, além da interferência entre elas, cujo resultado é uma composição bastante complexa. É impossível domar tal quantidade de variáveis no sentido de uma tomada de decisão consistente.

Ambiguidade: A obscuridade e falta de clareza da realidade implicam em muitas formas de interpretar e analisar os contextos, que já são complexos. Falta de clareza resulta na possibilidade de atacar um problema de várias formas, todas igualmente pertinentes e equivocadas. O passado não é capaz de explicar o futuro.

O conceito VUCA se encaixa perfeitamente, e cada vez mais, ao momento atual. Porque o peso com que os elementos acima interferem nas decisões é cada vez maior. Assim, fica evidente que planejar, num contexto como o descrito, não é tarefa fácil.

No entanto, se o conceito VUCA indica que as coisas parecem estar fora de controle, por outro lado, o fato de relacionar características identificáveis a este caos já é um alento.

Assim, podemos estar atentos a essas características e nos preparar para, de alguma forma, compensar sua interferência na qualidade de nossas decisões.

COMO ENCARAR O DESAFIO?

O segredo é estarmos prontos para enfrentar o inesperado, num ambiente em constante alteração. Como? Mantendo plena consciência de qual é o resultado esperado, identificando e monitorando os elementos e as forças envolvidas, tudo de modo a poder alterar rapidamente o curso do já planejado.

Num ambiente altamente volátil, uma habilidade importante é a de se antecipar aos problemas; outra é estar pronto para aceitar uma derrota pela mudança brusca de cenário e partir com vontade renovada para se adaptar rapidamente a ele. Em grande medida, isto significa desenvolver a autoestima.

Em que pese a complexidade reinante, é importante estar atento para perceber as inter-relações entre as forças presentes, avaliar as possíveis consequências das decisões disponíveis para cada situação e identificar as oportunidades de fato relevantes.

Situações complexas exigem conhecimento diversificado, o que nem sempre está disponível individualmente. O desenvolvimento de equipes multidisciplinares, assim como a contratação de empresas de consultoria podem compensar e mesmo superar eventuais deficiências de background.

 

Um ambiente interno de colaborativo também auxilia no desenvolvimento de um time flexível, além de inovador.

 

Nesse sentido, as empresas terão tanto mais sucesso quanto melhor apoiarem o desenvolvimento profissional de seus colaboradores, integrarem suas equipes implementando programas estruturados de comunicação interna e mantiverem em constante evidência os objetivos e metas do empreendimento, por meio da valorização da sua cultura organizacional.

 

Mauricio Prieto – sócio diretor da Synerhgon